segunda-feira, 8 de setembro de 2008

BURACO NEGRO XV

Foto google


Hoje lembrei-me como era fácil o tempo que passava contigo!
Corria entre risos, conversas, musica e lágrimas.
Os risos eram sempre felizes ou tristes mas nunca foram só sorrisos.
As conversas sérias ou tontas foram sempre de palavras verdadeiras.
A musica, estranhamente era dividida entre a descoberta e o reviver.
As lágrimas eram tuas, sempre rapidamente apagadas pelo meu estar ali.
Hoje imagino que o teu riso continua fresco e leve mas acredito ouvir nele um soluço.
Hoje as tuas palavras serão ainda fáceis e certas mas acredito saber delas o lado incerto.
Hoje a tua musica continuará a ser a mesma mas acredito ler nela o reavivar da dor.
Hoje as tuas lágrimas rolarão num rosto amassado pela certeza da perda!

1 sakês:

Me Hate disse...

Hoje... Obviamente: NÃO TE TENHO A TI!

E isso, em muito sentidos... amis dos que podes imagina é uma infeliz realidade e sentido de vazio!|


Blog Design by ThunderDrum. Based on a Blogger Template by Isnaini Dot Com and Gold Mining Companies. Powered by Blogger