segunda-feira, 22 de setembro de 2008

BURACO NEGRO XVII



Estava eu repousando, num asteróide, na orla gravitacional de um pequenino buraco negro, quando recebi um sinal de nave em aproximação. Como esta coisa de andar de buraco em buraco é uma fantasia muito solitária, dei a conhecer a minha presença esperando quebrar a monotonia com alguma novidade...
A nave, abrandou a velocidade, o que me permitiu sondá-la. Descobri a bordo três presenças.
Ao meu contacto, senti na mente o arranhar metálico de uma resposta de computador. Sim, a bordo viajavam três espécimes orgânicos, do planeta Terra, a saber: duas ex e um perito.
Hurra! gritei pra dentro.
Hurra?? que é isso de ex e perito?? cargos? agentes de experiência cientifica?
Lenta e suavemente projectei-me para a nave tentando entrar em sintonia com algum dos tripulantes.
A primeira mente onde entrei, mostrou-me um borrão estranho e à minha saudação esborratou-se um pouco mais. Quando tentei penetrar mais fundo para saber quem era só encontrei uma resposta: ex do perito...ex do perito...ex do perito...que raio, pensei.
A segunda mente que aflorei, agora mais a medo, apresentou-se como uma parede de tijolos grafitados: ex do perito... ex do perito...ex do perito... mau, pensei
A terceira mente, invadi, provoquei um gemido de dor, entrei mais fundo, e deparei-me com um caleidoscópio que girava, girava, girava e gritava: perito... perito... perito...
Acordei! sempre soube que adormecer na orla de um buraco é muito perigoso...têm-se os piores sonhos...os premonitórios.
Percebi que era hora de partir...antes que aquela nave passasse por ali e eu quisesse mesmo saber a verdade.


5 sakês:

Me Hate disse...

Sempre partiste? Não houve sequer discussão em querewr saber porquê ex do perito e porque raio girava o perito também sem dizer nada?

Thunderlady disse...

Nemaste, nessas alturas ligar o piloto automático em velocidade absurda e sair em linha recta o mais depresa possível!

Namaste disse...

me hate
Já me basta não entender os terráqueos quando estou por cá!
Das ex ainda tive uma ideia do que eram...agora o perito girava tão rápido, mas tão rápido que a minha mente telepática não aguentou.
Se parti?...mudei de asteroide apenas...que o que tem de ser tem muiiittaaaa força.

Namaste disse...

thunderlady

Pois...piloto automático, warpspeed, e dali pra fora, foi uma boa ideia!!!

Ana Oliveira disse...

Gostei do texto...
Eu até gosto de histórias de ficção...cientifica!
Mas oh me hate...discutir, achas que quem anda de asteroide em asteroide, atrás de buracos negros, podia discutir...com o computador?...com as ex doidinhas de todo?...com o perito em fase de implosão?...
Pronto lá me deixei eu levar por estas histórias empolgantes.
Fico à espera do próximo post!
A proposito a thunderlady tem toda a razão, sempre a direito, senão lá se volta ao ponto de partida!

Ana


Blog Design by ThunderDrum. Based on a Blogger Template by Isnaini Dot Com and Gold Mining Companies. Powered by Blogger